Quinta-Feira, 07 de Junho de 2018, 00h:03

Tamanho do texto A - A+

Com muitos desfalques, Vasco empata com o Cruzeiro em Belo Horizonte

Cruzmaltino saiu na frente, mas levou um gol no segundo tempo

 

O Dia

 

Presente no Mineirão, Jorginho, novo técnico do Vasco, acompanhou de uma cabine o empate de 1 a 1 com o Cruzeiro. Se o jejum de quatro rodadas sem vencer no Brasileiro incomoda, e muito, a boa atuação em Belo Horizonte foi animadora.

 

Valdir Bigode assumiu a responsabilidade na capital mineira. Além de bancar a volta de Paulão, após o afastamento imposto pela diretoria, o auxiliar acertou na formação com três volantes.

 

Até o esquema encaixar, a pressão foi toda do Cruzeiro, que teve chances reais com Dedé e Thiago Neves. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira ainda ignorou o pênalti de Desábato sobre o Edilson.

 

No entanto, a melhor chance foi do Vasco, mas após o leve desvio de Fábio, a falta cobrada por Pikachu explodiu. Ao resistir a pressão dos donos da casa, o Vasco acertou a marcação e colocou as 'mangas para fora'.

 

Confiante após o golaço na derrota para o Botafogo, Andrey, sem sucesso, já havia armado dois chutes no Mineirão. Na terceiro, acertou uma bomba no ângulo esquerdo de Fábio, aos 21 minutos.

 

Empurrada pela torcida, a Raposa manteve a pressão após o intervalo. Raniel, aos 15', se antecipou a Paulão para empatar após o bela assistência de Sobis. Com Wagner, machucado, e Cosendey, cansado, Valdir pôs o Vasco à frente com Giovanni Augusto e Evander, perdeu em marcação, mas resistiu com bravura e o sufoco até o apito final.

 

FICHA TÉCNICA

 

CRUZEIRO 1x1 VASCO

 

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

 

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa/SP)

 

Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Fabio Rogerio Baesteiro (SP)

 

Cartão amarelo: Wagner e Yago Pikachu (Vasco)

 

Cartão vermelho: Não teve.

 

Público/Renda: 19.870 pagantes/23.725 presentes/R$411.772,00.

 

Gols: Andrey, 21'1ºT (0-1), Raniel, 15'2ºT (1-1)

 

CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique e Lucas Silva (Marcelo, 14'2ºT); Robinho, Thiago Neves, Rafael Sobis (Bruno Silva, 30'2ºT); Raniel. Técnico: Mano Menezes.

 

VASCO: Fernando Miguel, Luiz Gustavo (Wellington, 29'2ºT), Paulão, Ricardo Graça e Henrique; Andrey, Desábato, Bruno Cosendey (Evander, 17'2ºT), Wagner (Giovanni Augusto, 10'2ºT) e Yago Pikachu; Andrés Ríos. Técnico: Valdir Bigode (interino).