Quinta-Feira, 18 de Maio de 2017, 22h:25

Tamanho do texto A - A+

Cuca pede pés no chão no Palmeiras e vai observar reservas contra a Chapecoense

Redação

 

O técnico Cuca não entrou na euforia da torcida pela eliminação do Flamengo na Copa Libertadores. O treinador sabe que um adversário complicado deu adeus à competição sul-americana, mas lembrou que o Palmeiras ainda não carimbou sua vaga e que precisa manter o foco para se classificar. 

 

"É futebol e tudo pode acontecer. E não precisa pegar um exemplo. Em meia hora de jogo ruim, o Palmeiras foi eliminado há pouco tempo", lembrou, se referindo à derrota para a Ponte Preta por 3 a 0 no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista. No jogo de volta, o time não conseguiu reverter a vantagem do rival. 

 

Só que antes de ter sua decisão pela Copa Libertadores, no meio do caminho para enfrentar o Atlético Tucumán, o Palmeiras terá a Chapecoense pela frente, sábado, pelo Brasileirão. 

 

Cuca já avisou que usará um time reserva para dar chance a quem não vem jogando e também um descanso para seus titulares. Nesta quinta-feira, enquanto os titulares fizeram um trabalho regenerativo, os reservas fizeram um jogo-treino contra o time sub-20. 

 

O time foi escalado com: Fernando Prass; Fabiano, Antônio Carlos, Juninho e Egídio; Thiago Santos; Róger Guedes, Michel Bastos, Raphael Veiga e Keno; Erik. No decorrer da atividade, Erik acabou dando lugar a Hyoran. Mas a novidade foi a presença do zagueiro Juninho, que está regularizado e tem a chance de fazer sua estreia no Palmeiras. 

 

Cuca já tinha avisado que gostaria de observar alguns atletas e garantiu que é um bom momento para os jogadores mostrarem serviço.