Quarta-Feira, 10 de Janeiro de 2018, 01h:09

Tamanho do texto A - A+

Etanol sobe em MT quase 10%, mas ainda é o Estado onde é mais competitivo abastecer com relação ao preço da gasolina

Redação

 

No período de um mês os preços do etanol subiram em Mato Grosso 9,36%. No entanto, é o Estado onde abastecer com o biocombustível é mais competitivo em comparação com o preço da gasolina, pois custa 59,91% do valor desta. Já na primeira semana de 2018, o menor preço médio estadual do país foi de R$ 2,524 o litro, também nos postos mato-grossenses.

Os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros subiram em 23 Estados brasileiros e no Distrito Federal na primeira semana de 2018, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Apenas no Amazonas, no Ceará e no Rio Grande do Norte houve recuo nos preços do biocombustível.

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação média do hidratado apresentou alta de 0,82% sobre a semana final de 2017, de R$ 2,803 pra R$ 2,826 o litro.

No período de um mês, os preços do combustível avançaram 3,86% nos postos paulistas. A maior alta no valor do biocombustível na semana passada, de 11,80%, foi no Amapá.

A maior baixa semanal, de 1,63%, ocorreu no Ceará. Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP houve alta de 1,17% no preço do etanol na semana passada.

No período de um mês os preços do etanol subiram em 18 Estados e no Distrito Federal, com destaque para Mato Grosso, com aumento de 9,36%.

O maior recuo mensal foi no Rio Grande do Norte, de 3,82%. Na média brasileira, o preço do etanol nos postos brasileiros pesquisados pela ANP acumulou aumento de 4,21% na comparação mensal.

No Brasil, o preço mínimo registrado na semana inicial de 2018 para o etanol em um posto foi de R$ 2,249 o litro, em Mato Grosso, e o máximo individual ficou de R$ 4,390 o litro, no Rio Grande do Sul.

O menor preço médio estadual foi de R$ 2,524 o litro, também nos postos mato-grossenses, e o maior preço médio ocorreu no Rio Grande do Sul, de R$ 3,879 o litro.

Vantagem

Os valores médios do etanol hidratado seguem vantajosos sobre os da gasolina em postos dos Estados de Mato Grosso e Goiás.

O levantamento considera que o combustível de cana, com menor poder calorífico, precisa ter preço limite de 70% do derivado de petróleo nos postos para ser considerado vantajoso.

Em Mato Grosso, onde o etanol é o mais competitivo, o biocombustível é vendido em média por 59,91% do preço da gasolina. Em Goiás e paridade está em 66,58%.
Em Minas Gerais o etanol vale, em média, 70,50% do preço da gasolina, bem próximo do limite de paridade com o combustível de petróleo. Em São Paulo, a paridade está em 71,09%.

A gasolina é mais vantajosa no Amapá. Naquele Estado, o preço do etanol atinge 93,70% do cobrado em média pela gasolina. o o país, o etanol é o mais competitivo, pois o biocombustível é vendido em média por 59,91% do preço da gasolina.