Sábado, 11 de Novembro de 2017, 02h:40

Tamanho do texto A - A+

Bolsa fecha em queda cautelosa com cenário político interno

Redação

 

O principal índice da bolsa de valores fechou em queda nesta sexta-feira (10), com o mercado receoso sobre o trâmite da reforma da Previdência e ainda de olho na divulgação de balanços corporativos.

 

O Ibovespa fechou em baixa de 1,05%, aos 72.165 pontos.

 

Às 10h47, o Ibovespa recuava 0,45%, a 72.603 pontos. Na véspera, o índice recuou 1,93%, a 72.930 pontos, após ter avançado 2,69% na quarta-feira.

 

Às 13h46, o índice caía 0,81%, a 72.338 pontos.

 

O dólar, por sua vez, fechou em alta ante o real nesta sexta-feira (10), com os investidores cautelosos com a capacidade do governo de Michel Temer avançar na reforma da Previdência após os conflitos internos no PSDB.

 

O dólar fechou com alta de 0,32%, a R$ 3,2704 na venda.

 

Na véspera, o presidente licenciado do PSDB, senador Aécio Neves (MG), retirou o senador Tasso Jereissati (CE) do comando interino da legenda.

 

Nos últimos dias, o governo concentrou esforços para conseguir tirar do papel ainda este ano a reforma da Previdência.

 

No cenário externo, cresceram as preocupações com a reforma tributária do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O dólar registrava leve oscilação ante uma cesta de moedas, mas subia frente a divisas de países emergentes como os pesos chileno e mexicano.

 

Às 10h47, o dólar avançava 0,34%, a R$ 3,2632, com recuo de 0,12% na véspera.

 

Às 13h47, a moeda norte-americana registrava ganhos de 0,31%, a R$ 3,2620.