Sexta-Feira, 27 de Maio de 2011, 12h:50

Tamanho do texto A - A+

Prefeitura oferece curso de Libras para melhorar acessibilidade

Profissionais habilitados a interpretar a língua de sinais é a estratégia que Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano - SMASDH aponta para melhorar o acesso a serviços públicos essenciais para pessoas com deficiência auditiva.

Para isso estão sendo oferecidas 200 vagas para o primeiro módulo do curso de Libras para servidores do INSS, Policia Militar, Ministério Público, Secretarias de Saúde, Assistência Social, Educação  e CREA, parceiro do projeto, com o oferecimento do auditório para a realização das aulas.

Esse foi o assunto abordado na entrevista ao vivo, desta quinta feira (26-05), no Telejornal Bom Dia Mato Grosso  de uma emissora de TV.

Com tradução simultânea pela professora de Libras Rose Sinara, o secretário de Assistência Social Mário Lúcio ressaltou a importância de se garantir o acesso amplo aos deficientes a todos os serviços públicos.

"A questão não é só fazer rampas e derrubar as barreiras arquitetônicas. É preciso garantir também o direito de entender e se fazer entender pelos órgãos que oferecem serviços ao público. Nesta etapa vamos oferecer três turmas para o primeiro módulo e uma para o segundo para aquelas pessoas que já iniciaram o aprendizado da língua o ano passado. Ainda restam algumas vagas e as inscrições poderão ser feitas na sede do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura" lembrou o secretário.

O gerente do Núcleo de Apoio à Pessoa Deficiente da SMASDH, assistente social Luiz Carlos Grassi também participou da entrevista aproveitando para convidar os servidores para o curso que se inicia na segunda feira, dia 30 de maio, no período vespertino.